Taller: Evaluación del Paro #8M

363 Views

Foro Social Mundial. Taller Evaluación del

#8M y Construcción del Foro Feminista frente al G20.

DIA: 14 de março

9-12 h

Oficina: Avaliação da Paralisação 8M e Construção do Fórum Feminista frente ao G20
Taller: Evaluación del Paro 8M y Construcción del Foro Feminista frene al G20

Local: Tenda 8M. UFB

Org.: Red de Género y Comercio, AMB, AFMarcosur, Espacio de Economia Feminista de la SEC, SOS Corpo, Rede DAWN e Cátedra Libre Virginia Bolten de Argentina.

Mais uma vez realizamos no 8 de Março de 2018 uma Paralisação das mulheres. Nosso chamado teve neste ano novos sentidos…
Chamamos a uma paralisação internacional porque temos mostrado a vitalidade do movimento de mulheres e feministas no mundo afora e aproveitaremos para fazer esse balanço.
Chamamos a uma paralisação utilizando uma ferramenta conhecida e por longo tempo usada pelos trabalhadores e trabalhadoras formais do mundo inteiro, porque a globalização neoliberal vem desbordando o trabalho assalariado e mostrando múltiplas formas do trabalho, especialmente visibilizando o trabalho reprodutivo não remunerado das mulheres e as formas diversas de produção do comum nas comunidades, nas terras indígenas, nos quilombos e nas periferias urbanas. Agora aprofundaremos esse novo entendimento fazendo o balanço dos novos formatos utilizados nas paralisações deste ano…
Chamamos o 8M porque nos anima o desejo de mobilizarmos juntas, de fazer visível a maré organizativa das mulheres. Assim, na oficina pretendemos sentir o gostinho dessa vitória conjunta, para animar nosso caminho de lutas futuras em 2018.
Realizamos no inicio de dezembro do 2017 o Fórum Feminista contra a OMC Fórum Feminista contra a OMC em que além de debatermos e construirmos estratégias, também reafirmamos a importância de fortalecer esta ação internacional do 8M e uma das estratégias pensadas foi de construirmos o Fórum Feminista frente ao G20 que será realizado na Argentina em novembro próximo… Vamos preparar nossa defesa da vida diante da macabra e violenta aposta do capital sobre as populações e sobre o corpo das mulheres.

 

 

 

No comments

La Red de Género y Comercio reúne a mujeres latinoamericanas interesadas en investigar y difundir los efectos diferenciales de las políticas económicas y los acuerdos comerciales, y los intereses que motorizan las corporaciones transnacionales y otros actores económicos y sociales en la región.

Envianos un Mensaje